O Ato de Perdoar

O ato de perdoar

O Perdão é a ação humana de se livrar de uma culpa, uma ofensa, uma dívida e etc. O perdão é um processo mental que busca a eliminação de qualquer ressentimento, raiva, rancor ou outro sentimento negativo sobre determinada pessoa ou por si próprio.

A palavra “perdão” vem do latim perdonare, de per significa “total, completo”, e donare significa “dar, entregar, doar”. Ou seja, entregar por completo aquele sentimento de dor que foi causada a nós ou por nós mesmos.

Perdoar também está relacionado com o nosso ego, nós sempre queremos ter razão e por muito tempo pensamos que se perdoasse o outro, deixaríamos de ter razão.

Fui entender o perdão, quando li em um artigo que “perdoar não significa concordar com o que a pessoa nos fez de mal. Não significa que você perdeu e a pessoa ganhou a disputa, significa apenas, que apesar de você não ter concordado e ter achado errado ou injusto, assim mesmo você decide perdoar”.

O ato do perdão é uma decisão, você decide perdoar e pronto. É como se você carregasse uma mala muito pesada, cheia de dor, ressentimento, culpa, mágoa e em um determinado momento você decide abandonar essa mala e consegue sair caminhando com os braços livres, sem aquele peso.

Uma dica de livro que fala sobre o perdão é Você pode curar sua vida, de Louise Hay, que aborda as doenças psicossomáticas e como elas se instalam no nosso corpo pela falta de perdão de tudo que nos acontece. Quando nosso emocional está sobrecarregado de magoas e rancor, quando aquela nossa mala de emoções está insuportável de carregar, nosso corpo nos da alertas de que algo está errado e que precisamos observar o que tem por trás de cada doença.

Autoconhecimento é a chave para toda mudança, não ignore os sinais de alerta que seu corpo te dá!

Cuide-se sempre!

Carolina Maino
Carolina Maino
Graduada em Relações Públicas com MBA em Gestão Empresarial pela FGV, Possui formação internacional em Coaching pela SLAC (Sociedade Latino Americana de Coaching), é Analista de Professional Assess Certification, desenvolvendo habilidades de avaliação e construção de Modelo de Competências, Analista DISC (Avaliação de Perfil Comportamental) e Practitioner em Programação Neurolinguística.

Os comentários estão encerrados.