Já tentou de tudo e mesmo assim não consegue emagrecer?

Muitas vezes queremos transformações nas nossas vidas sem pensar na verdadeira mudança que precisamos. O início de tudo é você conseguir compreender os motivos que te levam a comer.
Toda dependência tem um fundo emocional e precisamos descobrir o que sentimos no momento do descontrole. A partir do momento que identificamos a raiz do nosso problema, a fome emocional deixa de ter força e passamos a ter o controle sobre nossas vidas e principalmente sobre nossas escolhas.

Durante o meu processo de emagrecimento entendi que tinha uma relação de dependência com a comida, de alguma maneira ela supria um vazio que eu sentia. Eu esperava que ela suprisse uma falta de amor, que até aquele momento, acreditava ter. Porém, quando encontrei o amor próprio, esse sentimento me preencheu de tal forma que não precisei mais da comida para me sentir feliz.

Então, se você está em busca de perder aquele excesso de peso, mas encontra-se no eterno estado do efeito sanfona, procure olhar para dentro de você, procure buscar qual o verdadeiro significado que a comida tem na sua vida. Quando você conseguir encontrar, suas escolhas serão automáticas e sua perda de peso também.

O emagrecimento é somente uma consequência de como você se sente, quando estamos satisfeitos com quem somos e com a vida que levamos, passamos a nos cuidar com o devido carinho e tudo na nossa vida passa fluir de uma maneira natural.

Procure se conhecer, se entender e respeitar tudo o que você já viveu até aqui. Lembrando sempre que devemos compreender o passado, e não ficar preso nele, se sentir no presente e planejar nosso futuro de acordo com aquilo que vai nos fazer feliz.

 

 

Natália Pezzi - Autora Convidada
Natália Pezzi - Autora Convidada
Self Coach, Professional Coach, Life Coach, Leader Coach, Analista comportamental e Extensão Universitária pelo Instituto Brasileiro de Coach - IBC. Vivência em Emagrecimento e Resgate da Autoestima. Formação em Biomedicina pelo centro Universitário Feevale.

Os comentários estão encerrados.