Comunicação Pessoal

Você está usando a sua comunicação a seu favor ou contra você? Se por alguns minutos você pudesse se enxergar fora do seu corpo, como uma terceira pessoa no momento em que você está se comunicando com alguém.

– Como você se observa?
– Está com uma postura positiva ou negativa?
– Como está a interação com as outras pessoas?
– Existe um diálogo com momentos de escuta e fala ou somente um deles permanece?
– A forma que você mantém essa comunicação é amistosa e receptiva ou ríspida e fechada?
⠀⠀
Muitas vezes estamos agindo no automático e não dos damos conta da mensagem que estamos transmitindo quando nos comunicamos. A comunicação é a essência das relações humanas. Comunicar-se é um processo que depende tecnicamente de quatro elementos básicos e essenciais para que exista:
– Emissor: qualquer ser ou objeto que emita uma mensagem, consciente ou inconscientemente
– Receptor: qualquer ser ou objeto que receba uma mensagem, consciente ou inconscientemente
– Mensagem: informação e/ou ideia emitida e/ou recebida
– Meio: instrumento usado pelo emissor ou receptor para transmissão da mensagem

As palavras que o emissor usa correspondem a 7% da mensagem. A maneira como diz, o tom da voz, a ênfase das palavras, o volume e o ritmo correspondem a 38% da mensagem e a mensagem corporal corresponde a 55%.

Algumas pessoas têm naturalmente maior propensão a se comunicar bem, por serem mais extrovertidas ou terem facilidade de se expressar com clareza. Mas todos podem melhorar e desenvolver sua comunicação pessoal seguindo algumas dicas:

Aprenda a ouvir: esse é o primeiro e fundamental passo de uma boa comunicação pessoal. Ser um bom ouvinte, antes de mais nada, demonstra respeito pelo seu interlocutor e ajuda a construir relacionamentos. Ao ouvir o que o outro tem a dizer, demonstre estar prestando atenção, olhando-o nos olhos e mostrando estar compreendendo a fala. Não interrompa nem termine a frase das outras pessoas.

Exercite a observação: comunicação é, em grande parte, observação. Fique atento ao seu redor, ao ambiente, e aos sinais visuais que seu interlocutor está emitindo. Ele está com uma expressão tranquila ou tensa? Como está sua postura corporal? Ele está te olhando nos olhos? Se parecer que ele está muito tímido ou amedrontado, atue para deixá-lo mais à vontade, começando por um sorriso!

Fique atento à própria linguagem corporal: Não adianta dizer uma coisa e demonstrar outra com o corpo e estilo pessoal. Por exemplo, se você disser que está “aberto à discussão” mas seus braços estiverem cruzados, estará se contradizendo. O mesmo se disser que está atento à fala, mas ficar olhando o celular.

Uma comunicação pessoal apropriada é o caminho mais fácil para o sucesso, o entendimento, a confiança e o respeito. Quem se comunica melhor, quem consegue passar melhor sua mensagem ou divulgar melhor aquilo que tem a dizer são hoje as pessoas mais valorizadas. A comunicação pessoal faz parte da vida de todos. Desta forma, qualquer atividade que se pretenda desenvolver depende de boa comunicação.

Precisa de ajuda? Conheça o trabalho de Identidade Pessoal e Mentoring.

 

Michele de Matheo
Michele de Matheo
Tem formação em Marketing e Propaganda pela Universidade do Norte do Paraná, Self Coach, Professional Coach, Leader Coach, Analista Comportamental e Extensão Universitária pelo Instituto Brasileiro de Coaching.

Os comentários estão encerrados.